Categoria: Merlot

vinho bom e barato panizzon reserva merlot 2012

Panizzon Reserva Merlot 2012: Vinho bom e barato! Dica que cabe no bolso!

Rubi violáceo, denso, límpido e brilhante. Bordas de leve granada. Primário, frutado, especiado, azeitona preta. Leve e com bom frescor. Taninos ligeiros, porém bem arredondados. Macio e gostoso de beber, com uma longa amora...

vinhos uruguaios de corte

A maravilha dos vinhos uruguaios de corte

Olá, Falar sobre os vinhos uruguaios sempre nos remete à Tannat, uva de intensos taninos e muito resveratrol, cujas benesses são decantadas e prescritas aos quatro cantos. Há, claro, razão para isto. Não posso...

Futurosso 2011 Marchesi Incisa della Rocchetta

Futurosso 2011: Perspectivas de Incisa della Rocchetta para Barbera

Olá, Assim como ocorreu com outras regiões na Itália e também em outros países europeus, em meados da década 1990, os produtores do Piemonte conseguiram o reconhecimento de uma DOC mais flexível para a...

Bergerac Chateau Thenac

Bergerac, conhece? Uma de suas flores passou por minha taça e deixou um perfume de Merlot no ar…

Olá, Falar em Bergerac é falar de história, do sudoeste francês e de Bordeaux. Levada pela ocupação dos romanos, a cultura da vinha e do vinho se difundiu pelo sudoeste francês, trazendo apreço aos...

Chateau Mont-Gueydon 2010

Chateau Mont-Gueydon 2010: A dica da semana que vale a pena e cabe no bolso!

Rubi, denso de cor, pouco brilho. Nariz com presença de frutos negros, alcaçuz, alguns tostados, fumo e especiarias. Bem estruturado, tem boa acidez e taninos volumosos e elegantes. Um passeio de amoras (frutos negros)...

Lote 43 2008

Lote 43 2008 – Harmonizado!

Rubi, denso e brilhante. Seus aromas falam de frutos negros, especiarias (sálvia se destaca), algo picante, notas fumadas. Bem estruturado, sua acidez gera muito bom frescor e os taninos são finos. Passo por boca...

Degustando Uruguai: 1000 Botellas Pentavarietal 2011

Granada, levemente translúcido. O primeiro ataque no nariz traz uma lembrança de madeira Riojana(?!?!?!!!), muito aromático, segue um passeio de frutos vermelhos e negros, ervas aromáticas, especiarias, notas terrosas. Cheio de camadas, um espetáculo!...

Lynch Bages 1990

Lynch-Bages 1990 – Uau!

Mais um da série: Não cabem descritivos! Não há nota de degustação que seja suficiente para expressar o prazer ao provar um grande, como este, no auge da sua curva evolutiva, maduro em seus...

…dos Amigos: Montchenot 2003 – Austero!

Sua cor é de belo granada, com reflexos que fazem notar a sua idade… No nariz, esbanja austeridade, um vinho classudo, com tudo contido e no lugar… Passeiam pela taça os frutos vermelhos, especiarias, ervas,...